Com a Mandaê, Vitrine Outlet reduz valor do frete

Após contratar Mandaê, e-commerce de moda Vitrine Outlet reduz valor do frete

O poder de alcance é um dos grandes méritos do comércio eletrônico. Enquanto o negócio físico restringe sua presença ao âmbito municipal ou regional, as lojas virtuais têm possibilidade de se embrenhar pelos mais diferentes IPs, CPFs e CEPs, atraindo consumidores do país inteiro.

O casal Igor Brito e Tenily de Oliveira bem sabiam disso quando fundaram de Irecê, a 500 km da capital Salvador, o e-commerce de moda Vitrine Outlet. A distância dos grandes centros econômicos não impediu a dupla de empresários de viabilizar o negócio, fazendo com que conquistasse compradoras do Brasil inteiro e alcançasse o mesmo patamar das grandes lojas virtuais do segmento fashion.

“Não queríamos ser um concorrente fraco por não termos as mesmas condições de outras lojas virtuais em nível de logística. Hoje oferecemos o mesmo SLA de entrega e qualidade de serviço que os grandes e-commerces de São Paulo proporcionam”, orgulha-se Igor.

Ao contratar a Mandaê, a Vitrine Outlet conseguiu não só reduzir o valor do frete pago pelas clientes mas também aumentar a eficiência logística. Hoje, o empresário tem a certeza que a Mandaê conseguiria atendê-lo “mesmo que a gente cresça 10 vezes”. Conheça os detalhes dessa história a seguir.

Vitrine Outlet: uma moda fora dos padrões

 
Ao fundar o e-commerce, o objetivo de Igor e Tenily era se desvincular do mercado de moda tradicional, que é baseado em poucas marcas, para dar visibilidade aos pequenos fornecedores que fazem moda de qualidade a preço justo, mas não tinham penetração no mercado.

“Fizemos uma curadoria no Brasil todo e fomos buscar pequenos fabricantes e negócios familiares, de produção quase artesanal, que ofereciam produtos de qualidade e queriam disponibilizá-los para o país inteiro”, explica Igor.

Como o empresário define, a Vitrine Outlet não vende marca, vende roupa. Enquanto o mercado de moda está discutindo as cores da Pantone e as tendências de cada estação, a loja virtual de Irecê nada contra a corrente.

“As empresas familiares têm capacidade de lançar 1 mil coleções por ano, todos os dias lançam produtos novos. Então a gente não se prende a 2, 3 ou 4 coleções”, fala Igor.

Com essa mentalidade, o e-commerce ganhou relevância e, hoje, desfruta de mais de 1 milhão de seguidores no Facebook, quantidade maior do que muitas grifes famosas possuem, e de um nível de logística reversa que se mantém abaixo de 2%, justamente em um segmento no qual as taxas de devolução podem ser altas pela impossibilidade de se tocar ou experimentar o produto.

vitrine-outlet-mandae

Por um frete econômico

 
Embora alcançar consumidores tenha ficado simples, fazer as encomendas chegarem ao destinatário não seguiu o mesmo caminho. A Vitrine Outlet era afetada por um problema muito comum no comércio eletrônico: valor do frete.

“Se a cliente via uma blusa legal no site e queria usá-la em um evento no mesmo final de semana, tinha de pagar um frete mais rápido; então a blusa, que custava R$ 49, recebia um acréscimo de R$ 58 referente ao frete, o que inviabilizava a operação”, desabafa Igor.

Assim surgiu a necessidade de buscar uma opção logística que possibilitasse diminuir o custo de frete. Foi aí que a Mandaê entrou como solução graças à sua plataforma digital que seleciona a melhor transportadora parceira para cada encomenda com base em preço, prazo e região.

A parceria entre as empresas teve início em outubro de 2016. Num primeiro momento, a Vitrine Outlet acumulava os pedidos para que, duas vezes por semana, uma transportadora saísse de Irecê, fosse até São Paulo e deixasse a mercadoria na capital, onde a Mandaê coletava e despachava para o Brasil todo.

Essa dinâmica ficou vigente durante um ano e meio até, pela economia de frete, passar a fazer sentido contratar uma empresa em Barueri para gerenciar o estoque, assim a Vitrine Outlet também passaria a contar com um CEP da região de São Paulo. Segundo Igor, com a decisão, o processo ficou muito mais rápido, pois eliminou o acréscimo de quatro dias úteis pelo prazo de processamento.

Sanando outras necessidades

 
Além de reduzir o valor do frete, a Mandaê tinha capacidade para suprir outras demandas da Vitrine Outlet. “Precisávamos de uma empresa que recebesse nosso produto em São Paulo e encaminhasse para várias transportadoras”, comenta. Porém, o que o e-commerce não queria era ter o relacionamento com as várias transportadoras.

“Já experimentamos ter outros dois operadores logísticos ao mesmo tempo que usávamos a Mandaê. Realmente, tratar com três empresas diferentes era bem complicado, por isso achamos interessante manter concentrado na Mandaê e tratar somente com ela todo tipo de demanda.”
– Igor Brito, da Vitrine Outlet

Outra vantagem que ele pontua é o fato de a Mandaê entregar com um preço abaixo do que as próprias transportadoras conseguiriam oferecer. Segundo ele, por orçamento cotado em cima do seu volume de envios, ficava 20% mais caro contratar direto a transportadora do que trabalhar com a Mandaê, que, para ele, “é mais cômoda, é mais prática, é mais barata”.

Vitrine Outlet & Mandaê: parceiras que crescem juntas

 
Após se consolidar no mercado, a Vitrine Outlet almeja novos desafios. A empresa inaugurará, no segundo semestre de 2018, um escritório em São Paulo, que ficará responsável pela parte comercial da marca.

Também, pretende se especializar em determinadas áreas para entregar uma experiência de compra melhor às clientes e ampliar o portfólio de produtos, de forma a atender um grupo ainda maior de consumidoras.

Sobre a relação com a Mandaê, Igor destaca a importância de saber que tem um parceiro disposto a ir para a frente com a empresa dele. Por isso, crê que a empresa de logística cumpriu muito bem o serviço e, ao longo do tempo, foi se adequando ao próprio crescimento da Vitrine Outlet.

“Começamos com uma quantidade de 200 a 300 pacotes por mês e já chegamos a enviar mais de 5 mil pacotes”, afirma. Segundo ele, a tecnologia da Mandaê foi avançando no sentido de tornar o processo mais fácil para a Vitrine Outlet. “Hoje acredito que vocês conseguiriam nos atender mesmo que a gente cresça 10 vezes”, finaliza.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *