Marketing

Programa de Indicação: um poderoso meio de aquisição

Postado por Mandaê

Atualizado em julho 13, 2021 por Mandaê

É comum que as pessoas troquem informações entre si. Seja na fila do pão ou nas redes sociais. Elas falam de diversos assuntos, futebol, novela e até a marca preferida de sabão. Ou seja, sempre acabam falando sobre empresas, marcas e serviços. E sabe como é, podem falar bem ou mal.

As empresas estão inseridas na vida das pessoas, podendo facilitar ou tornar-se uma péssima experiência pela qual alguém não queria ter passado. E esses sentimentos são expressos de boca em boca. Uma reclamação de alguma empresa, marca ou serviço é passada para mais pessoas do que quando se trata de um elogio.

Saiba como se sair bem quando sua empresa for o assunto da vez.

Programa de indicação: como fazer?

Não basta apenas ficar na torcida para que seus cientes indiquem sua empresa por aí, é preciso fazer por onde. O cliente precisa ser estimulado e estar satisfeito para não ter dúvidas da qualidade do serviço fornecido.

“As pessoas confiam em amigos e familiares mais do que qualquer outra fonte de informação; eles dão duas vezes mais atenção às recomendações de amigos do que outras fontes. ” –  Mckinsey, 2010.

Os estímulos propícios para solicitar a indicação são por meio de recompensas. Pode ser cupom de desconto, brindes, prêmios, viagens, entre outros. Assim que ele sente o gosto da primeira recompensa, pode ter certeza que ele falará para mais pessoas, mas não se engane, seu produto e serviço precisa ser bom para que consiga ser compartilhado positivamente.

E senão sair como planejado?

Um estudo realizado pela Wharton School of Business, monstra que 83% dos clientes satisfeitos estão dispostos a indicar e recomendar produtos e serviços para outras pessoas, mas apenas 29% realmente o fazem. Isso mostra que as empresas perdem o potencial de 54% dos clientes satisfeitos que poderiam estar indicando seus produtos e serviços para amigos e conhecidos.

Acontece que, fazendo uma recomendação, os clientes colocam a sua própria reputação em jogo. Se o serviço não for entregue com qualidade, quem terá sua reputação manchada com um amigo será seu cliente, causando assim, um grande desconforto.

Por isso é importante que o programa de indicação não seja tratado de qualquer forma. É preciso construir uma relação confiável com seus clientes antes de sair pedindo esse “favor”. Uma relação forte faz com que sua empresa tenha verdadeiros defensores da sua marca.

Clientes que estão satisfeitos com a empresa sentem-se motivados a falar dela e indicá-la para amigos, familiares e até desconhecidos. E fazem isso para ajudar as pessoas a terem a mesma experiência positiva que teve e por gostar da sua empresa, não querendo somente um desconto na sua próxima compra. E esse é o verdadeiro diferencial e a prova de um programa de indicação eficiente.

happy 1

 Leia também: Conheça as melhores ferramentas de e-mail marketing para a sua empresa

    Ao assinar a newsletter da Mandaê, declaro que conheço a Política de Privacidade e autorizo a utilização das minhas informações.

    Gostou? Compartilhe!