Materiais gráficos indispensáveis para sua loja virtual

Materiais gráficos indispensáveis para o seu e-commerce

“Se eu vendo online, por que precisaria de materiais gráficos para e-commerce?”.

Se você já se confrontou com esse questionamento, é um bom sinal. Significa que ao menos não ignorou a hipótese de explorar todo o potencial que os materiais gráficos podem ter na experiência do cliente com a sua marca. Talvez até signifique que quer saber mais sobre como esses pequenos detalhes podem fazer a diferença na retenção e memória dos clientes.

Todo gestor de e-commerce sabe o tamanho do esforço para ultrapassar barreiras que levam à compra e quão difícil é estimular a recompra. Como o único contato que há entre você e o seu cliente é o produto físico, vale a pena investir em materiais gráficos e recursos para superar as expectativas de quem está ansioso por receber seu produto.

No e-commerce, o capricho pode ser o seu diferencial: o cuidado com a embalagem, empacotamento adequado e materiais gráficos podem fazer toda a diferença na experiência do seu cliente e no estímulo à recompra.

Materiais gráficos para loja virtual: preços, exemplos e como fazer

 

Com a leitura deste miniguia, queremos que você aprenda e entenda as funções dos principais materiais gráficos que podem ajudar a sua loja virtual a adquirir o diferencial necessário aos clientes, preços médios e dicas para economizar na impressão. Vamos lá!

Cartão de visita

Cartões de visita são materiais gráficos indicados para acompanhar seu produto na embalagem para e-commerce

Por que usar cartões de visita

 

Incluir um cartão de visita na embalagem do seu produto mostra que a sua loja está disponível para contatos futuros de pós-venda ou para compras futuras. Se você usa apps como Whatsapp e Instagram para manter contato com os clientes, é nesse material que você pode divulgá-los.

+ Como vender pelo Whatsapp e melhorar o engajamento com o cliente

Que informações incluir

 

Para saber o que colocar no cartão, basta que você faça e responda as seguintes perguntas: quem sou eu, o que faço e como me encontrar.

  • Nome: na frente, as informações que não podem faltar são o nome da loja e o logotipo.
  • Celular/Telefone: coloque sempre o DDD antes, nunca se sabe se o seu cliente é da mesma cidade que você. Se usa o Whatsapp como canal de atendimento, especifique no cartão.
  • Endereço: se tiver loja física, inclua o seu endereço.
  • E-mail/redes sociais: insira o e-mail, se for o caso. Você pode trocar esse campo por ícones de redes sociais com o nome da página da sua empresa, como Snapchat, Instagram e Facebook. É válido lembrar que inserir muitas informações em um espaço tão pequeno pode confundir o cliente. Por isso, seja sempre preciso e forneça apenas as informações úteis para o seu cliente.

 

Tamanho do cartão

 

Existem três tamanhos mais usados para cartão de visita:

  • 85 × 55mm: é o mais comum, do tamanho de um cartão de crédito.
  • 95 × 50mm: é o formato americano, um pouco mais comprido e achatado que o anterior.
  • 55 × 55mm: é pequenino e quadrado, perfeito para informações bem organizadas e condensadas.

Preço médio para 1000 unidades coloridas com impressão frente e verso e acabamento comum: a partir de R$ 36,90.

Flyer

 

Flyers são materiais gráficos indicados para divulgar eventos, mas você pode soltar a sua imaginação

Se você também tem loja física, o flyer é o mais indicado para divulgar promoções, eventos e lançamentos. É um material que tem ciclo de vida curto, por isso é produzido com baixo investimento.

Os valores de produção de flyers costumam ser muito vantajosos, mas o desperdício de papel e a dificuldade de medir a eficácia de uma campanha de divulgação pode afastar os lojistas, principalmente os virtuais.

Ainda assim, é comum vê-lo circulando pelas ruas, especialmente nos centros mais movimentados. Dependendo da organização das suas informações, o seu flyer pode ter grandes chances de ser descartado. Para minimizar as chances de isso acontecer e otimizar sua verba, preparamos algumas dicas. Confira abaixo.

Planeje o seu conteúdo

Coloque-se no lugar de alguém que não conhece a sua loja. Que informações você precisaria ter para entender o assunto do flyer? Fica mais fácil organizar as informações ordenando o conteúdo de acordo com as respostas às seguintes perguntas:

O quê? Essa pergunta é o chamariz da sua ação que vai compor o título do seu material. Qual o motivo de você ter criado um flyer? Pode ser um lançamento, uma nova coleção, promoções, uma frase de efeito ou qualquer outra razão. O importante é que você destaque essa informação. Veja alguns exemplos:

  • Promoção: Queima de estoque da Calçados XYZ
  • Lançamento: Nova coleção
  • Frase de efeito: Viajar para o Caribe é barato!

Quando? Destaque a data, período ou sazonalidade em que ocorrerá o evento ou ação. O flyer não é um conteúdo atemporal, ou seja, suas ações têm data de início e fim. Usar essa informação também é interessante porque estimula o imediatismo, não há a desculpa de “depois eu dou uma olhada…”. Destacamos alguns exemplos:

  • Período específico: De 30/09 a 06/10
  • Imediatismo: Só esta semana!
  • Sazonalidade: Primavera-Verão 2016, Dia das Mães, Natal, Páscoa.

Onde? O evento ou promoção pode ser no seu site, loja física, garagem de casa ou em um buffet, o importante é que essa informação conste no flyer. Pela hierarquização das informações em pirâmide, o endereço virtual ou físico é um elemento que deve aparecer logo depois da data. É só depois de ler e se interessar pelo assunto que o consumidor vai querer saber onde é.

Quanto? Se for muito barato ou o desconto for muito alto, essa informação pode constar no começo do seu flyer, em destaque. Do contrário, para um evento, por exemplo, o ideal é chamar a atenção pelas atrações e só depois de ter o cliente engajado informar o preço.

Preço médio para 1000 unidades tamanho A6 com impressão colorida frente e verso e sem acabamentos especiais: a partir de R$ 36,99.

Adesivo

 

Adesivos são materiais gráficos versáteis porque podem ser usados como brindes ou como parte da embalagem do seu produto

O adesivo tem baixo custo de produção e alto valor percebido, o que faz com que a relação custo vs. benefício seja bastante vantajosa para a empresa. Ele pode ser usado como alternativa para personalizar embalagens de produtos, caixas, etiquetas ou para distribuição como brinde.

Adesivos podem ser apresentados em diversos formatos, mas o modelo com faca especial talvez seja o mais versátil e queridinho das empresas que investem em materiais de divulgação. Veja a seguir quais são os modelos mais populares:

  • Com refile: os adesivos com refile são aqueles que têm acabamento comum, com bordas retas. O resultado final pode ser comparado, por exemplo, a uma figurinha de álbum.
  • Redondos: os adesivos redondos são mais baratos do que utilizar faca especial e em algumas gráficas têm o mesmo preço do que o modelo com refile.
  • Com faca especial: a faca especial é um acabamento bastante utilizado para os adesivos porque dá um acabamento personalizado para o material da empresa. O corte é rente ao formato da imagem, sem fundo branco.
  • Com transparência: parecidos com o adesivo com a faca especial, a diferença é que ao invés de o corte ser rente à imagem, o adesivo apresenta fundo transparente.

Preço médio para 1000 unidades de adesivo redondo 5cm: a partir de R$ 303,99.

Tag

 

Entre os materiais gráficos para e-commerce, os tags são os mais indicados para e-commerces de moda e decoração que queiram incrementar a apresentação dos seus produtos

O tag é um dos investimentos em materiais gráficos mais interessantes para um e-commerce. É um item versátil, normalmente serve para precificar, mas em uma loja virtual pode servir como etiqueta de troca dos seus produtos e até reforço de marca, com o logotipo da sua empresa. Tags são baratos – geralmente são iguais a um cartão de visita convencional, mas têm um furo na parte superior central e podem ou não ter um corte especial nas bordas.

Com um investimento baixo, podem auxiliar o cliente a reconhecer sua marca. Afinal, o destaque para o que você vende pode não ser a marca que revende, e sim o nome do seu e-commerce, a sua marca. Nesse sentido, os tags auxiliam bastante os e-commerces na definição de identidade visual e fixação da marca na memória do cliente.

Tamanhos de tags

 

Costumam ser semelhantes às dimensões dos cartões de visita:

  • Standard (85 × 55mm): é o mais comum, do tamanho de um cartão de crédito.
  • Europeu (95 × 50mm): é o formato americano, um pouco mais comprido e baixinho que o anterior.
  • Mini (55 × 55mm): é pequenino e quadrado. Se você quer mostrar praticidade e criatividade, perfeito.

Preço para impressão de 1000 tags 85 x 55mm em papel 250g reciclato com furo à esquerda: a partir de R$ 203,99.

Quer saber mais?

 

Confira o nosso guia de gráficas com indicação de endereço e telefone de mais de cem estabelecimentos em São Paulo, Osasco, Santo André, São Bernardo e Guarulhos e tenha acesso a um material completo sobre termos e materiais gráficos mais indicados para sua loja!