Sergio K. tem redução de 20% nos custos com frete após parceria

Em 2004, quando dava os primeiros passos no mundo da moda, o empresário Sergio Kamalakian não imaginava que em pouco tempo seu nome estaria a frente de uma das grifes mais famosas do País. Antes de ditar tendências, Sergio produzia sapatos sob encomenda para amigos próximos e foi a grande aceitação de seu produto que lhe deu, dois anos depois, a oportunidade de atacar o mercado de roupas e acessórios e tornar a Sergio K famosa.

Sergio K. e os desafios do e-commerce

 

Mesmo que uma marca construa força e notoriedade pelo seu nome, seu sucesso também está ligado ao quanto é acessível ao consumidor. Isso significa, por exemplo, quantas lojas estão disponíveis para compras e, na ausência delas, na disponibilidade de encontrar os produtos em canais alternativos. Foi isso e, claro, o olho na concorrência que levou a marca do empresário para a internet. “No mercado da moda as coisas acontecem muito rápido. Quando vimos nossos concorrentes se armando para o on-line decidimos investir em marketing digital e lançar nosso site”, conta Anderson Silva, gerente do e-commerce.

Embora a decisão de iniciar as vendas on-line tenha sido tomada, o time de Anderson sentiu uma série de dificuldades durante a implementação do projeto. O gerente conta que toda a equipe era crua e que a falta de conhecimento sobre o mercado digital gerou limitações para o negócio. A solução então foi buscar parceiros no mercado que pudessem amparar algumas etapas, entre elas, a logística. “Quando percebemos que o e-commerce daria certo, fomos atrás de parceiros que pudessem suprir algumas necessidades que ainda tínhamos”.

Desafios logísticos

  • Atendimento limitado
  • Atrasos nas entregas
  • Falta de flexibilidade na coleta
  • Falta de visibilidade sobre os pedidos
  • Limitações do transportador

Para cuidar da etapa logística de seu e-commerce, a Sergio K. contratou um transportador que pudesse coletar suas encomendas no centro de distribuição e, posteriormente, entregá-las aos destinatários. A solução, no entanto, não atendeu totalmente as necessidades da empresa.

Segundo Anderson, apenas um portador era responsável pela retirada das remessas no escritório da Sergio K., e em um período fixo pré-estabelecido. Assim, os pedidos feitos após o horário da coleta precisavam aguardar até o dia seguinte para serem enviados. “Isso só atendia a 60% das nossas necessidades, sem falar nos atrasos nas entregas”.

Sergio K. e Mandaê: uma parceria valiosa

 

Foi após uma indicação da plataforma usada pela Sergio K. que a Mandaê se tornou a parceira logística da marca. O que concretizou a relação, entretanto, foi o atendimento dado pelo time de Vendas durante a negociação e as soluções oferecidas para resolver os problemas logísticos do negócio. “Esse atendimento foi fundamental para fecharmos contrato e queremos que essa parceria se estenda por muito tempo”.

Resultados positivos

  • Atendimento de qualidade
  • Flexibilidade nas coletas
  • Melhora no atendimento ao cliente
  • Redução de atrasos nas entregas
  • Redução de custos com frete

Uma das principais vantagens observadas pelo time da Sergio K. após a parceria com a Mandaê foi a redução dos atrasos na entrega. Anderson conta que o serviço melhorou a relação da marca com seus clientes, que ficaram mais satisfeitos com os produtos entregues dentro do prazo. Em situações em que as encomendas podem sofrer atrasos por motivos variados, o Painel de Ocorrências da Mandaê alerta o time e permite que ações preventivas sejam tomadas, evitando o descontentamento dos clientes. “O painel nos ajuda a nos anteciparmos, quase que instantaneamente, aos problemas dos compradores. Isso sem falar no atendimento do time de Relacionamento, que nos dá um suporte incrível nessas demandas”, avalia Anderson. Outra vantagem levantada pela equipe é a possibilidade de solicitar o serviço de coletas no dia e horário mais conveniente para a empresa, garantindo que a maior parte das encomendas seja enviada em um prazo reduzido aos clientes.

A parceria, que já existe desde 2018, proporcionou à Sergio K. uma redução de 20% nos custos com frete. O valor economizado pôde ser realocado para investimentos de promoção da marca, como ações de marketing digital. “A Mandaê superou nossas expectativas”.

Sobre a Sergio K.

 

Sergio iniciou sua marca vendendo sapatos feitos à mão para amigos. Pouco tempo mais tarde, os colegas pediram ao empresário que produzisse também roupas e acessórios para completar o vestuário. O resultado deu à Sergio K. a visibilidade que tem hoje, circulando pelo universo da moda com coleções modernas e DNA jovem.

A marca já soma 13 lojas próprias, além de marketplaces e mais de 120 multimarcas, além de parcerias com empresas conhecidas mundialmente, como a marca de cerveja Heineken.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *